• banner-vestibular-fe-2017-2








Imprimir

FAFRAM recepcionou novo os estudantes

banner-recepcao-calouros-2017-1Foi realizada nos dias 6 e 7 de fevereiro, a recepção dos novos alunos dos cursos de Agronomia, Direito, Medicina Veterinária e Sistemas de Informação da Faculdade Dr. Francisco Maeda (Fafram). Para recebê-los, a instituição de ensino mantida pela Fundação Educacional de Ituverava, elaborou uma programação especial.

No dia 6, eles foram recebidos com um café da manhã, assistiram uma palestra proferida pelo diretor da Fafram, Márcio Pereira, a respeito do funcionamento da instituição; receberam informações com os coordenadores dos cursos e fizeram uma visita técnica ao campus da Fafram. Em seguida, participaram de um almoço de confraternização.

No dia 7, eles assistiram duas palestras: uma pela perita-chefe da Polícia Científica de Ituverava, Cristina Wolf Evangelista, que discorreu sobre o uso de drogas e outra pelo comandante do Batalhão da PM em Ituverava, capitão Erivaldo Pereira Nascimento, que discorreu sobre direitos e deveres do cidadão. Em seguida, ocorreu outra visita técnica.

Na próxima semana, quando as aulas começam oficialmente, será realizado o tradicional trote solidário, ocasião em que os alunos arrecadarão alimentos para serem doados para entidades assistenciais do município.

Ensino de Qualidade

Segundo o presidente da FE, Pedro César Galassi, que esteve presente na recepção, a instituição está empenhada em oferecer o que há de melhor para os seus alunos.

“Sem dúvida, serão anos de muito aprendizado para todos os estudantes. A FE está comprometido em proporcionar o que há de melhor, com aulas práticas e teóricas, visando formar profissionais de alto nível, sem nunca esquecer a ética e o lado humanitário”, ressalta Galassi.

O diretor da Fafram, Márcio Pereira, deu boas-vindas aos estudantes. “É um momento especial para que os alunos conheçam a estrutura e funcionamento da Fafram, local onde eles passarão alguns anos, aprendendo sobre a profissão que escolheram”, afirma.

“Desejo que este período seja de muito aprendizado e que eles absorvam ao máximo os conhecimentos, pois será o diferencial no mercado de trabalho”, completa Márcio Pereira.

Fonte: Tribuna de Ituverava