• banner-site-fe








Fique Sabendo

Imprimir

Fafram dá importante passo para se internacionalizar

banner-universidade-peruApós ter se consolidado como uma referência em todo o país, a Fundação Educacional de Ituverava agora busca se internacionalizar. E um importante passo para iniciar este projeto, foi firmar convênio com a Universidade Nacional Amazônica da Madre de Deus (UNAMAD), do Peru.

O documento foi assinado pelo diretor da Faculdade Dr. Francisco Maeda (Fafram), Márcio Pereira, e pelo o pró-reitor da UNAMAD, Percy Amilcar Zevallos Pollito.

O convênio prevê, entre outros benefícios para as instituições, a viabilização do intercâmbio de estudantes e professores e a realização de pesquisas acadêmicas.

Para que a parceria fosse formalizada, a Fafram passou por uma rigorosa avaliação na infraestrutura, quando foram verificadas diversas questões que constataram que a instituição atende às exigências para a formalização do convênio.

Foram analisados, por exemplo, critérios referentes ao PDI (Plano de Desenvolvimento da Instituição), biblioteca, laboratórios, Hospital Veterinário, Fazenda Experimental, capacidade de atualização, grade pedagógica e corpo docente.

Escolha

Em entrevista, Percy Amilcar Zevallos Pollito explica os motivos de a Fafram ter sido escolhida para a parceria. “Visitamos outras instituições pelo Brasil, mas nenhuma delas tinha um conceito tão alto junto ao MEC quanto a Fafram, tanto em cursos de graduação quanto em cursos de pós-graduação”, afirma. 
“A instituição é referência em todo o Brasil e chamou nossa atenção pela sua qualidade em ensino, em pesquisa e responsabilidade social”, destaca.

Ainda segundo ele, a UNAMAD tem parceria com outras instituições brasileiras, como a Universidade Federal do Pernambuco e a Universidade Federal do Acre, além de instituições de outros países. “A Fafram se encaixou perfeitamente no que buscávamos e tenho certeza de que a parceria dará excelentes resultados”, ressalta.

Internacionalização

O diretor da Fafram, Márcio Pereira, também fala sobre o convênio. “O objetivo é promover a internacionalização da instituição de ensino, que é um dos critérios exigidos para possamos mudar de categoria administrativa, passando de faculdade para centro universitário”, afirma o diretor.

“O convênio permite que possamos realizar intercâmbio de alunos e professores entre os dois países, bem como, elaborar trabalhos científicos em conjunto, para serem publicados em revistas internacionais. Sem dúvidas, é um ganho muito importante para a Fafram, especialmente no que se refere à internacionalização”, completa Márcio Pereira.

Fonte: Tribuna de Ituverava

64633777 2283010211788655 6255927025505140736 n

64742887 2283010431788633 8874260714030628864 n

64771188 2283010115121998 4188217644794511360 n

Imprimir

Lançada a 3ª edição do Manual para Elaboração e Apresentação de Monografias

banner-noticia-biblioteca-manual

O sistema de Bibliotecas da Fundação Educacional de Ituverava disponibiliza, na versão on-line, a 3ª edição do Manual para Elaboração e Apresentação de Monografias.

Disponível em: http://www.servicos.feituverava.com.br/biblioteca/manual/manual.html

Em breve a versão impressa estará disponível para venda nas Bibliotecas do Campus I, II e III.

Imprimir

Resultado do Processo Seletivo de Bolsas de Estudo 2019/1

banner-resultado-bolsas-estudo-2019-1

Lista dos aprovados no processo seletivo para bolsa de estudos.

LISTA DOS APROVADOS

Imprimir

FE inaugura campus em São Joaquim da Barra

O descerramento da placa inaugural da Fajob aconteceu na sexta-feira, 30 de novembro.

banner-fajob

Após concluídas as obras do campus da Fajob (Faculdade São Joaquim da Barra), foi inaugurada, sexta-feira, 30 de novembro, a terceira instituição de Ensino Superior da Fundação Educacional de Ituverava.

O descerramento da placa inaugural aconteceu no início da noite, quando autoridades e convidados conheceram as instalações da instituição de ensino e, em seguida, foi realizada a cerimônia de inauguração, no Salão de Festas Elmaz Badran.

A instituição oferecerá os cursos de Engenharia Civil, Engenharia Mecânica e Pedagogia. O primeiro vestibular, para seleção de alunos que deverão iniciar o ano letivo, já no primeiro semestre, está marcado para o mês de janeiro, e as aulas deverão ser iniciadas em 4 de fevereiro. O quadro de docentes deverá contar nos próximos dois anos, com pelo menos 75 profissionais.

Os três cursos que funcionarão na Fajob oferecerão 80 vagas cada um, sendo 40 para o período diurno e 40 para o noturno. Com isso, a instituição vai começar a funcionar com a capacidade de atender 240 estudantes, somando os dois períodos
Prédio

O prédio da Fajob, onde antes funcionava um colégio particular, exigiu uma reforma geral e adequações às normas de acessibilidade, que foram executadas ao longo de todo o ano. São 17 salas de aula, biblioteca, laboratórios, salas de diretoria, coordenação, reunião e quadra poliesportiva.
O local foi cedido pela Prefeitura de São Joaquim da Barra em regime de comodato por 35 anos, com direito à permuta ao final. Com o novo campus, a FE promove um importante projeto de expansão, não só dos cursos, mas também do patrimônio da FE, pois, com o tempo, o prédio poderá ser cedido em definitivo à FE.

Crescimento

Em entrevista concedida à Tribuna de Ituverava, o diretor da FAJOB, Antônio Luís de Oliveira (“Toca”) fala sobre o que representa para a Fundação Educacional, a instituição do terceiro campus.

“O credenciamento da FAJOB, representa a consolidação de um trabalho que teve início a cinquenta anos atrás, e que vem sendo conduzido com grande sucesso por pessoas que têm a preocupação primordial, com o desenvolvimento regional e o bem-estar das pessoas, através de uma educação de qualidade”, afirma.

“Além disso, este fato significa um novo passo da FE, em busca do crescimento fora de Ituverava, tornando-se cada vez mais moderna e eficiente”, diz Toca.

Segundo ele, os futuros estudantes podem esperar da Fajob, a mesma qualidade de ensino oferecida pelas outras instituições mantidas pela FE. “As atividades da Fajob terão início, em uma época onde se discute novas formas de aprendizagem, associadas ao uso de tecnologias. Assim, muitas destas novas metodologias serão empregadas na formação dos novos profissionais oriundos da Fajob”, completa Antônio Luís de Oliveira (“Toca”).

Presidente

O presidente Pedro César Galassi lembra que tudo está sendo feito no mesmo padrão de qualidade das outras instituições de ensino mantidas pela FE: Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras (FFCL) e Faculdade Dr. Francisco Maeda (Fafram).

“Fomos muito bem recebidos pela população de São Joaquim da Barra, e a forma melhor de retribuir é oferecer cursos de qualidade, dentro da filosofia das instituições mantidas pela Fundação”, diz Pedro César Galassi.

Fonte: Tribuna de Ituverava